Covid: Saúde amplia aplicação da 4ª dose para pessoas acima de 50 anos

O Ministério da Saúde ampliou a aplicação da segunda dose de reforço, ou quarta dose, da vacina contra a Covid-19 para pessoas com 50 anos ou mais e profissionais de saúde, de todas as idades. A medida entra em vigor a partir deste sábado (4/6).

Em nota técnica, a pasta recomenda a aplicação para quem tomou o primeiro reforço do imunizante há mais de quatro meses. O documento chama atenção para a tendência de aumento no número de casos de Covid-19 no país. De acordo com dados da Fiocruz, cerca de 48% dos casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) registrados nas últimas quatro semanas ocorreram em função da doença.

“Neste sentido, o incentivo à vacinação para os esquemas primários e doses de reforço tem papel fundamental para conter o aumento de casos, hospitalizações e óbitos”, diz a nota. “À medida que avançamos na cobertura vacinal contra a Covid-19 no país, naturalmente a ampliação de públicos elegíveis para a segunda dose de reforço deve ser considerada”.

As vacinas da Pfizer, Janssen e Astrazeneca poderão ser aplicadas, independentemente do imunizante recebido anteriormente.

Últimas

Eólicas sustentam abastecimento de energia do Brasil

A previsão é que a eletricidade gerada pela força dos ventos alcance cerca de 20% de abastecimento...

Durou pouco presença de Gretchen na RedeTV

Gretchen não faz mais parte do programa Encrenca, da RedeTV!. A emissora anunciou que rompeu a parceria com a cantora, o que a deixou surpresa Além dela,...

O lançamento da candidatura de Lula

O lançamento oficial da candidatura de Lula à Presidência da República poderá ser dia 9 (data mais provável) ou 16 de abril, falta bater...

Turismo teve queda superior a 33% no faturamento entre janeiro e agosto

Um dos setores mais impactados pela pandemia do coronavírus, o turismo nacional sofreu uma queda de trinta e três vírgula seis por cento no...

Pacote americano repercute no Brasil e Ibovespa retorna aos 100 mil pontos

A Bolsa de Valores Brasileira retorna aos 100 mil pontos diante da expectativa de aprovação do pacote de estímulo à economia nos Estados Unidos...