Médica e ex-enxadrista, Paula Fernanda Delai fala os sobre desafios do xadrez na atualidade

xadrez é um jogo de mesa de natureza recreativa e competitiva, tanto arte quanto ciência, que demanda raciocínio lógico e pensamento estratégico. Hoje, o xadrez é um dos jogos mais populares do mundo, sendo praticado por milhões de pessoas em torneios, clubes e escolas. Segundo a médica e ex-enxadrista, Paula Delai “A prática do xadrez desenvolve habilidades como memória, concentração, planejamento e tomada de decisões, porém, oferece outros desafios para aqueles que escolhem seguir a  carreira no esporte”.

Segundo Paula Delai, “ Apesar do potencial do xadrez para o desenvolvimento intelectual e também na categoria de esporte mental, muitos enxadristas brasileiros não conseguem emplacar na carreira por falta de apoio do governo e escassez de patrocínio. Isso traz limitações na vida dos jogadores profissionais, já que é preciso viajar para os grandes torneios e isso inviabiliza custos. O retorno financeiro é comparativamente baixo ao empenho necessário para se tornar um jogador de ponta, os rendimentos são instáveis”. afirma a ex-jogadora Paula Fernanda Delai.

Apesar das dificuldades inerentes do jogo, Paula Delai destaca que, ainda assim, o Brasil conta com enxadristas profissionais talentosos e de qualidade excepcional “Muitos acabam conseguindo destaque em plataforma online ou mesmo por meio da venda de cursos á distância”.

De acordo com Paula Delai, “ A visibilidade do xadrez cresceu e  ganhou status de eSport durante a Pandemia da Covid-19. A Série Netflix chamada de o Gambito da Rainha foi muito bem recebida pelo público, ao ser lançada com advento do isolamento social, ainda em 2020. A minissérie conquistou mais de 62 milhões de espectadores.” afirma a ex-jogadora.

Atualmente o Brasil ocupa a 31º posição no Ranking absoluto da FIDE. Paula Delai considera: “O maior destaque da nova geração teve rápida ascensão, Luís Paulo Supi é grande mestre brasileiro, professor de xadrez e streamer. Natural de Catanduva (SP), Supi é o melhor classificado no Ranking FIDE e atual campeão brasileiro de xadrez”.

Paula Delai acredita que no xadrez como ferramenta escolar  “O ensino do xadrez nas escolas é uma alternativa pedagógica que proporciona benefícios significativos, como diminuição da ansiedade, estimula a capacidade empática, atenção, paciência. O contexto lúdico é um recurso didático  impulsionador da imaginação.“ assinala a médica e ex-enxadrista.

Últimas

Lula guarda duas cartas a jogar na mesa para atrair o PSD de Kassab

Se dará certo ou não, é outra conversa. Mas Lula ainda não desistiu de contar ao seu lado no primeiro turno da...

Confira 5 sintomas vasculares que podem aparecer depois da Covid

Não são apenas os sintomas clássicos das doenças respiratórias que podem ser associados com Covid-19. Já se sabe que a doença possui...

Belo será candidato a deputado federal

Envolvido em vários problemas, inclusive passando uma temporada preso, Marcelo Pires Vieira, o cantor Belo, vai ingressar na política. Será candidato a deputado federal...

Andressa Suita retoma vida depois de ‘três semanas bebendo direto’

Andressa Suita utilizou seu Instagram nesta terça-feira, 27, para comunicar que está de volta aos trabalhos e à rotina de treino e dieta. A...

Explosões em escola de Cabul no Afeganistão deixam pelo menos seis mortos

Pelo menos seis pessoas morreram nesta terça-feira (19) e 11 ficaram feridas em duas explosões que atingiram uma escola para rapazes em um bairro da...