“Não sei quem inventa”, diz William Bonner sobre boatos de saída da Globo

William Bonner, âncora do Jornal Nacional, se pronunciou sobre os boatos que viralizaram na web. As publicações afirmam que ele estava negociando sua saída da TV Globo. Em entrevista à colunista Cristina Padiglione, da Folha de S. Paulo, Bonner disparou: “Não sei quem inventa esses boatos de que eu pretenderia sair da Globo, mas a intenção é óbvia: ganhar dinheiro ao levar pessoas a clicar no link enganoso. Meu nome e os de outros colegas da Globo têm sido usados sistematicamente com esse propósito por sites que vivem desse expediente baixo”.

Há 36 anos na emissora e há 26 na bancada do JN, ele prosseguiu: “Meus planos profissionais estão todos concentrados no Jornal Nacional e em projetos do jornalismo da Globo para os quais fui e ainda vier a ser escalado. Estou completando nesses dias de junho exatos 36 anos na Globo e me sinto com energia e disposição para seguir por muito tempo no desempenho de um trabalho que considero de enorme relevância para o nosso país”.

Últimas

Ministro do Meio Ambiente inaugura centro de triagem na Colômbia

Ministro do meio ambiente também autorizou liberação de verba para recuperação de área conhecida como Mirante. Ele também plantou primeira árvore do local O ministro...

Magno Malta volta às boas com Jair Bolsonaro

O ex-senador Magno Malta (PL-ES) está de volta ao circuito presidencial após mais de dois anos afastado. Era “o vice dos sonhos” na pré-campanha...

Taxas de títulos do Tesouro Direto recuam nesta quinta-feira

SÃO PAULO – Os prêmios pagos pelos títulos públicos negociados via Tesouro Direto apresentavam queda na tarde desta quinta-feira (5), em mais um dia...

Projeto de Criptomeda Brasileira da Educação é levado ao espaço por Astronauta Russo.

Um dos projetos de maior destaque nos últimos anos vem chamando a atenção do mercado de educacao e esportes no Brasil e no mundo. O...

MP ajuíza ação contra Felippe Valadão e pede R$300 mil por intolerância religiosa

O Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ), requer que o pastor Felippe Valadão, acusado por intolerância religiosa pague R$300 mil aos cofres...