Alunos comemoram volta às aulas presenciais em São Paulo

As máscaras de proteção podem até tapar o sorriso no rosto dos alunos da Escola Estadual Milton da Silva Rodrigues, na zona norte de São Paulo, mas os olhos brilhavam. Olhos esses que estavam carentes e que não viam a sete meses os amigos e professores, desde o início da pandemia da Covid-19. Aluno do segundo ano do ensino médio, Igor Ihara, de 16 anos, não via a hora da volta às aulas presenciais. “Estamos todos felizes, acredito que falo por todos os alunos, porque a gente sentia falta da presença do professor, do conteúdo frente a frente, às vezes demorava para responder uma pergunta por causa da internet. Então essa volta às aulas é muito importante, estou muito animado.”

Estão matriculados no ensino médio da rede estadual mais de 3,5 milhões de estudantes. Destes, 200 mil já retornaram às salas de aulas desde o começo de setembro, quando retornaram as atividades extracurriculares e as aulas de reforço. É o caso do aluno Lucas Bernardo, também de 16 anos. Mesmo com a chegada do resto da turma, ele sente falta de abraçar os colegas. “Da aquele frio na barriga de saber que vamos reencontrar too mundo, mas é um pouco triste. A gente não pode se abraçar, tem que manter o distanciamento, isso é um pouco difícil. Ficar distante dos amigos foi bem difícil pra mim, mas com o tempo fui me adaptando. Mas não é a mesma coisa que presencial”, diz.

O retorno não é obrigatório e as escolas podem receber 40% da capacidade total. O  secretário estadual de educação, Rossieli Soares espera que em 2021 as instituições voltem com percentual maior e de forma obrigatória. “A gente tem uma preocupação muito grande com a educação básica como um todo, mas o terceiro ano, os próprios jovens estão sofrendo muito. Mesmo com todos os esforços, com as atividades que os próprios estudantes estão enviando aos professores, estamos muito longe daquele que deveria ser, que é a aula presencial. Então nesse momento estamos focando no aluno do terceiro ano, dar oportunidade para que ele retorne para a escola e tenha uma busca de recuperação das aprendizagens nesse momento”, afirma. Cerca de nove mil alunos da rede estadual da capital de São Paulo voltaram às aulas nesta terça-feira, 03. O número representa 20% do total de 58 mil estudantes de 611 escolas estaduais da capital que oferecem o ensino médio.

*Com informações do repórter Victor Moraes

Últimas

O terrível problema carcerário brasileiro

É o Brasil: são 725 mil encarcerados num sistema com menos de 370 mil vagas. 11% foram condenados por assassinato e mais 1/4 e...

Ludmilla surpreende Brunna com almoço para apresentar a nova mansão

Foto: Victor Pollak  A recém ex-BBB Brunna Gonçalves já saiu do hotel e conheceu, nesta sexta-feira (25), a nova mansão que mora com Ludmilla. Em...

Deputados pedem que STF suspenda Distanciamento Controlado no RS

Em nota, a Procuradoria-Geral do Estado declarou que o decreto foi instituído em consonância com a jurisprudência do STF Os parlamentares querem devolver...

Mudanças no Whatsapp Web revoltam internautas: “Cabe medida judicial?”

O WhatsApp Web foi parar nos assuntos mais comentados do Twitter na manhã nesta segunda-feira (4/4) após passar por atualizações. Usuários apontam demora para...

Atividade industrial avança acima da média em setembro e consolida retomada aos índices pré-crise

A indústria brasileira teve recorde na variação de contratações entre agosto e setembro, e pelo quarto mês seguido apresentou alta nos indicadores de produção,...