Ministros que perderem a eleição podem voltar caso Bolsonaro seja reeeleito

O presidente Jair Bolsonaro está confiante que será reeleito. E mandou avisar seus ministros que tentarão algum cargo eletivo, como Tarcísio de Freitas (Infraestrutura), João Roma (Cidadania), Onyx Lorenzoni (Trabalho), Tereza Cristina (Agricultura), Rogério Marinho (Desenvolvimento Regional), Gilson Machado (Turismo)Marcelo Queiroga (Saúde), Damares Alves (Mulher, Família e Direitos Humanos), e Walter Braga (Defesa), que se não forem eleitos para o cargo pretendido, poderão ser convocados para seu futuro ministério, caso queiram. Não se sabe se todos os ministros terão este privilégio.

Últimas

Beth Colombo será a nova secretária da Educação de Canoas

A professora Beth Colombo (Republicanos) confirmou para o jornalista Rodrigo Becker que recebeu e aceitou convite do prefeito Jairo Jorge (PSD) para...

Mineiro Erick Bretz, acusado de agredir jovem na Flórida, volta à prisão nos Estados Unidos

De acordo com sistema de prisão do condado de Hillsborough, na Flórida, ele responde por acusações de dano corporal agravado e violência doméstica por...

Mega-Sena: apostador do DF e 2 do Entorno levam R$ 51 mil com a quina

Um apostador do Distrito Federal e dois do Entorno acertaram a quina da Mega-Sena. Cada um vai embolsar R$ 51.135,50.

O hit “O Nome Dela é Cachaça” de Almir Mattias viraliza na internet

  Nomes como do humorista Tirulipa, entre outros digitais influencer, viralizou  nas últimas semana a internet, com  vídeos cantando o sucesso “O Nome Dela é...

Presidente do TCU tem alta hospitalar após ser internado com Covid-19

O presidente do Tribunal de Contas da União (TCU), José Múcio, teve alta hospitalar neste sábado, 31, de acordo com a assessoria do Tribunal....