Cinco curiosidades sobre a Rússia

O encontro do mundo ocidental e oriental, a política, sua área territorial, a vodka e o frio fazem da Rússia um dos países mais famosos do mundo. O turismo no país tem sido fortemente incentivado pelo governo russo e por isso as belezas desse país fascinante têm sido cada vez mais exploradas, inclusive por brasileiros. 

 Muitas das pessoas que viajam ao país, reclamam que a fama de lá não faz jus aos verdadeiros encantos do país. Um dos brasileiros encantados pela Rússia é o paulistano Giancarlo Ambrosino. Para ele, o país de quase 145 milhões de habitantes é um dos destinos mais encantadores do mundo e ele tem propriedade para falar, o empresário já viajou por nada menos que 191 países. Nós conversamos com Giancarlo e escolhemos 05 fatos curiosos que quase ninguém sabe sobre a Rússia, veja:

01- Vodka não é a bebida favorita dos Russos

A vodka não é a bebida favorita dos russos, é a cerveja! De acordo com uma pesquisa realizada pelo Centro de Estudo de Opinião Pública da Rússia, 19% dos homens russos consomem a bebida toda semana, já as mulheres são 3%. A vodka é apenas uma bebida barata por lá.

02- O metrô russo é um dos melhores e mais bonitos do mundo

O metrô da Rússia é considerado um dos melhores do mundo e suas estações são verdadeiros museus. A Estação Komsomolskaya é uma das mais bonitas e famosas, foi inaugurada em 1952 e é um ícone moderno da arquitetura do país. 

03- O strogonoff Russo é diferente do que se come no Brasil 

O strogonoff reconhecido como original na Rússia leva carne cortada em tiras finas, douradas e flambadas. Depois que recebe o smetana, o clássico creme de leite azedo russo é servido sobre purê de batata e geralmente acompanhado de alguma salada e ervas frescas. Nada de arroz e batata palha!  

04- Apenas 4 quilômetros de mar separam Rússia e Estados Unidos

Desde 1867, quando a Rússia vendeu o Alasca para os EUA, os países dividem uma fronteira marítima comum entre as duas ilhas Diômedes. Curiosamente, para os povos locais de tchuktchi e esquimós, não é preciso visto para viajar entre as ilhas desde 1989. Ao percorrer a distância entre as duas ilhas, não se atravessa apenas a fronteira, mas também a Linha Internacional de Data. A Grande Diômedes fica 21 horas à frente da Pequena Diômedes – 20 horas no verão. Quando são 9 da manhã de sábado na Pequena Diômedes (EUA), já são 6 da amanhã de domingo na Grande Diômedes (Rússia). Por esse motivo, as ilhas são apelidadas de Ilha de Ontem e Ilha de Amanhã, respectivamente.

05-  Existem 22 países autônomos dentro da Russia

São 22 “países” dentro da Federação Russa. Esses territórios têm presidente e Constituição próprias, mas respondem ao Kremlin, o governo central em Moscou.

Últimas

Ex-presidente da Ecovias faz acordo com MP e pagará multa de R$ 12 milhões.

Considerado um dos executivos mais influentes do setor de transportes em São Paulo das últimas décadas, o ex-diretor-presidente do grupo Ecovias, Marcelino...

Elza Soares: velório da cantora será aberto ao público nesta sexta-feira (21)

Na última quinta-feira, dia 20 de janeiro, a cantora Elza Soares morreu aos 91 anos. O motivo foram causas naturais, e a artista estava...

Mônica Martelli é internada em Porto Alegre

Mônica Martelli foi internada na Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre após se apresentar na cidade, no último sábado (18/6). A informação foi...

Maíra Cardi se pronuncia após PA recusar presente: “Ego bobo”

Nesta sexta-feira (13), a influenciadora Maíra Cardi, de 38 anos, retornou ao Instagram após o seu afastamento, e falou sobre a polêmica com Paulo...

Victor Capixaba é o novo reforço do São Caetano

O Centroavante Victor Capixaba de 28 anos, ex jogador do VilaVelhense é o novo reforço do São Caetano-SP. A equipe paulista que recentemente contratou o...