Justiça proíbe participação da PRF em operações fora das rodovias

A Justiça Federal do Rio de Janeiro proibiu a participação da Polícia Rodoviária Federal (PRF) em operações fora das rodovias. A decisão desta quarta-feira (8/6) é liminar, ou seja, é temporária até o julgamento do caso.

Essa decisão da Justiça Federal atende um pedido do Ministério Público Federal (MPF), que foi feito após a participação de equipes da PRF em operações policiais com dezenas de mortes em comunidades no Rio de Janeiro.

Na prática, a decisão da Justiça Federal suspende um artigo de uma portaria do Ministério da Justiça e Segurança Pública de 18 de janeiro de 2021, que prevê que a PRF poderá “designar efetivo para integrar equipes na operação conjunta”.

Operações letais

A última operação com participação da PRF, em maio deste ano, terminou com 23 pessoas mortas na Vila Cruzeiro, comunidade na Zona Norte da cidade do Rio de Janeiro.

Também foram registradas outras duas operações com mortes, que tiveram participação da PRF: Uma com seis mortos no Chapadão em abril e uma com oito mortes também na Vila Cruzeiro em fevereiro.

Últimas

BBB22: Irmão de Marília Mendonça diz que participação de Naiara Azevedo é oportunismo

O reality mais badalado do Brasil ainda nem começou e já está gerando treta. Após Naiara Azevedo afirmar que vai lançar uma música com...

STF decide que Estados não podem impedir municípios de privatizarem saneamento

Corte julgou caso envolvendo o Paraná Para a ministra Cármen Lúcia, a fixação das regras gerais de...

Desemprego bate recorde e vai a 14,4% no último trimestre

A taxa de desemprego no Brasil alcançou o patamar recorde de 14,4% no trimestre encerrado em agosto, o maior da série histórica iniciada em...

Teens tend to ditch Facebook over Instagram

His wherein male land form. Own whose they're gathered is let male kind from. A you'll life waters evening fly female won't...

Tami Vitti: Lançamento Nacional

Na última Sexta Feira (06/11/20) Tami Vitti lançou o clipe da sua primeira música autoral Agora eu Mudei. Segundo...