Juliette é acusada pelo MBL de fazer campanha política em show e rebate políticos

A cantora e ex-BBB Juliette está sendo acusada por integrantes do Movimento Brasil Livre, o MBL, de fazer campanha para a pré-candidatura à Presidência de Lula (PT) durante show em Caruaru, em Pernambuco.

Rubinho Nunes, vereador e pré-candidato a deputado federal por São Paulo, e Guto Zacarias, também pré-candidato a deputado estadual em São Paulo -ambos pelo União Brasil- protocolaram uma representação no Ministério Público Eleitoral pedindo que Juliette e Lula paguem uma multa, já que a cantora teria transformado sua apresentação num showmício.

Na festa de São João, enquanto o público entoava “Olê, olê, olá, Lula” em coro, a cantora tirou o retorno para ouvir melhor a manifestação, riu e disse: “ê, Pernambuco, respeita!”.

Na tarde da última terça-feira (5), Juliette fez uma breve declaração nas redes sociais, sem citar o caso: “A estratégia é tão óbvia. Só não enxerga quem não quer. Próxima pauta… Vamos falar de coisa boa?!”, escreveu.

Últimas

Endometriose: saiba sintomas da condição de saúde que afeta Anitta

A cantora Anitta revelou em suas redes sociais, na quinta-feira (7/7), que foi diagnosticada com endometriose e precisará passar por cirurgia. A doença é...

Morre o sambista Monarco, aos 88 anos

Neste sábado (11), faleceu o sambista e compositor Monarco, aos 88 anos. O artista estava internado desde novembro no Hospital Cardoso Fontes, em Jacarepaguá,...

Construtora de Santa Catarina inova e já aceita Criptomoedas como parte de pagamento em empreendimento.

As criptomoedas vem se tornando um ativo utilizado em todo o mundo. Aos poucos a população brasileira esta aprendendo a adquirir as moedas digitais...

Falso médico negociava diplomas inexistentes e se apresentava como pastor, dizem vítimas

Gerson Lavísio, de 32 anos, foi detido por atuar ilegalmente como médico na concessionária CCR SP-Rio, que administra a Rodovia Presidente Dutra. Isso...

PF investiga 5 pessoas envolvidas na morte de Dom e Bruno no Amazonas

Ao menos cinco pessoas são investigadas por envolvimento nas mortes do jornalista inglês Dom Phillips e do indigenista Bruno Araújo Pereira. Dois já...