Homem é internado com dor no dedão e é diagnosticado com câncer no rim

Uma visita simples ao médico para verificar uma dor no dedão do pé que causou inchaço no tornozelo e na perna se tornou um pesadelo para o americano Richard Bernstein, 62 anos. Ao investigar as causas do problema, os médicos encontraram um câncer em estágio avançado em um dos rins — sem tratamento, ele só teria mais quatro dias de vida.

Bernstein passou por uma cirurgia de emergência que durou mais de 12 horas, onde os profissionais de saúde retiraram o rim e o tumor de quase meio quilo do corpo do paciente. O paciente ficou resfriado a uma temperatura de 18 graus para diminuir a circulação sanguínea e permitir o procedimento.

O câncer tinha se espalhado para dentro de duas artérias importantes, causando um aumento de pressão nos membros inferiores e causando a dor no dedo. Bernstein já havia procurado um hospital cinco anos antes com a dor, mas como não havia fratura, os médicos o mandaram para casa.

O americano completou o tratamento, já voltou a andar e está considerado livre do câncer há três meses. “Se minha perna inteira não tivesse inchado, eu teria morrido“, conta Bernstein, em entrevista ao jornal New York Post.

Últimas

Dólar dispara e vai a R$ 5,11, enquanto a Ibovespa despenca

O clima de nervosismo no mercado financeiro fez o dólar disparar, novamente, ontem, e terminar o dia cotado a R$ 5,11, com...

Anvisa aprova o primeiro spray inalável contra a depressão

De acordo com a Organização Mundial da Saúde, o Brasil é o quinto país do mundo em número de pessoas com depressão. Cerca de...

Shows do cantor Khalid no Brasil são cancelados

A produtora responsável por contratar o cantor Khalid para shows no Brasil anunciou, na última quinta-feira (02), o cancelamento das apresentações. O norte-americano se...

Amazing confession of an Instagram influencer

His wherein male land form. Own whose they're gathered is let male kind from. A you'll life waters evening fly female won't...