Ex-BBB Jessilane desabafa sobre ataques nas redes sociais: “Não param!”

A ex-BBB e professora Jessilane Alves voltou a falar sobre os ataques racistas e elitistas sofridos por ela em suas redes sociais. Os comentários se intensificaram após sua saída do reality e, desta vez, a ex-sister se mostrou bastante abalada: “Queria desabafar com vocês. Antes do BBB eu era anônima. Ao sair da casa, recebi muito carinho e amor, mas até hoje recebo muito hate (ódio) gratuito em algumas redes. Estou cansada, tento não me importar com essas pessoas, mas está difícil”, iniciou no Twitter.

“Estou muito feliz com todas as mudanças que ocorreram, mas é muito difícil ver pessoas me atacando. Não tem um vídeo que eu poste que não venha pessoas falando absurdos”, escreveu ao publicar alguns prints das ofensas recebidas.

Em seguida, Jessi continuou o desabafo no Instagram: “Uma coisa que mexe muito comigo são os haters. Eu tento, de toda forma, aprender a lidar. Faço terapia, estou tentando cuidar do meu corpo, minha alma, espírito e mente. Hoje eu publiquei um vídeo e recebi tantos comentários elitistas, racistas e discursos de ódio. E, cara, o programa acabou há três meses e eles não param!”, disparou.

Na manhã deste sábado, a professora tranquilizou os fãs que se preocuparam com suas publicações anteriores. “Tem momentos que a gente não consegue mais segurar. Tudo aquilo que estamos sentindo, mas estou bem dentro do possível. Estou cuidando de mim, só que tem hora que é difícil lidar com essas coisas”.

Últimas

Gabi Brandt rebate fã e abre o jogo sobre fim do casamento com Saulo

Gabi Brandt resolveu abrir o jogo sobre o término de seu casamento com Saulo Poncio. Enquanto respondia algumas perguntas no Instagram nessa quinta-feira (10/3),...

Merkel: lockdown não vai durar ‘nem um dia a mais do que o necessário’

A chanceler da Alemanha, Angela Merkel, pediu paciência aos alemães, nesta quinta-feira (11) e garantiu que seu governo não irá estender o confinamento nacional – imposto para conter...

Vereadores afastados por suspeita de peculato e concussão vão retornar à Câmara de Teresópolis, no RJ

Habeas corpus concedido pelo STJ beneficiou seis parlamentares afastados após uma operação deflagrada em maio do ano passado. A quinta turma do Superior Tribunal de...

Fabricante diz não haver evidência de que ivermectina funcione contra Covid-19

A farmacêutica Merck Sharp & Dohme (MSD), responsável pela fabricação da ivermectina, afirmou que não existem evidências sobre a eficácia do medicamento contra a...

Governo admite pagamento de seguro-desemprego a mortos e culpa sistema

O Ministério do Trabalho e da Previdência admitiu que pode ter pagado seguro-desemprego a pessoas que já morreram. A pasta explica...