As perdas da Netflix

O baixo poder de compra dos brasileiros e a inflação alta também chegou às plataformas de streaming.  A Netflix, por exemplo, perdeu cerca de 970 mil assinantes entre abril e junho deste ano.  A perda é a maior da história da companhia de streaming. E supera quatro vezes a perda  de janeiro a março deste ano, quando 200 mil usuários deixaram a plataforma. Mesmo com a perda, a companhia ainda totaliza 220,67 milhões de assinantes em todo o mundo.

 

Crédito: Shutterstock

Últimas

CVM multa em R$ 3 milhões day trader que teve lucro fora do normal em 249 operações com dólar

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) decidiu multar em R$ 3.245.455,78 o trader Fernando Reina Rebane que, por meio de suspeitas operações de contratos...

8 dos 10 municípios que mais emitem gases do aquecimento global no Brasil estão na Amazônia

Entre os 10 municípios brasileiros que mais emitem gases do efeito estufa, os causadores do aquecimento global, oito estão na Amazônia — cinco...

Projeto de Criptomeda Brasileira da Educação é levado ao espaço por Astronauta Russo.

Um dos projetos de maior destaque nos últimos anos vem chamando a atenção do mercado de educacao e esportes no Brasil e no mundo. O...

Cenário pós-eleição nos EUA favorece mercados asiáticos

(Bloomberg) — Uma provável presidência de Joe Biden e um governo americano dividido são apontados por observadores do mercado como um resultado eleitoral favorável...

Dados sobre eficácia da Coronavac podem aparecer ‘a qualquer momento’, indica Dimas Covas

O diretor do Instituto Butanta, Dimas Covas, indicou que os dados sobre a eficácia da CoronaVac, a potencial vacina de São Paulo com o...