Instituto Butantan aguarda aval da China para iniciar importação de vacinas

O governo de São Paulo informou na quinta-feira (5) que os estudos para o desenvolvimento da CoronaVac estão avançados. De acordo com a Secretaria de Saúde, os poucos efeitos colaterais — como dor no local da aplicação e febre baixa — confirmam a segurança da vacina chinesa. O Instituto Butantan aguarda a autorização do ministério de Comércio Exterior da China para a importação da matéria-prima e das doses prontas.

Dimas Covas disse que a instituição fará todo o esforço possível para manter o cronograma inicial de produção das vacinas. A média móvel de mortes chegou a 85 nesta quinta-feira — e foi a segunda semana consecutiva com esse número abaixo de 100. Apesar da tendência de queda, o governo não descarta regredir fases do plano de reabertura se necessário. O governador João Doria disse que as festas de Reveillon são as que mais preocupam. O Estado de São Paulo soma 1.125.936 casos confirmados e 39.717 óbitos pela Covid-19.

*Com informações da repórter Nanny Cox

Últimas

O primeiro sapato do presidente da Democrata

Uma curiosidade; Urias Francisco Cintra, fundador e presidente da grife de sapatos Democrata, passou toda a infância descalço. Seus primeiros sapatos foram feitos por...

Falsa vidente aplicou golpe de R$ 50 milhões em empresário

Suposta vidente aplicava golpes e cobrava grandes quantias para "proteger" as vítimas Em 2009, um amigo indicou ao empresário Emídio Mendes, 69 anos, uma pessoa...

Eduardo Pazuello recebe alta após dois dias internado em Brasília

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, recebeu alta hospitalar às 11h30 da manhã deste domingo (1º) em Brasília. De acordo com a nota da...

Pandemia afeta tratamentos contra câncer; uso da quimioterapia diminuiu 14%

Os procedimentos oncológicos tiveram uma queda considerável durante a pandemia da Covid-19. É o que aponta uma pesquisa da Caixa de Previdência e Assistência...

Greve dos caminhoneiros: confira onde há atos e bloqueios de rodovias no Brasil

Esta segunda-feira (1º), além de véspera de feriado, é o dia para o qual foi marcada mais uma greve dos caminhoneiros no Brasil, e...